PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

EUA superam pela primeira vez os 90.000 casos de covid-19 em 24 horas

28.abr.2020 - Estátua da "Fearless Girl", em Nova York (EUA), usa máscara para se "proteger" do novo coronavírus - Rob Kim/Getty Images
28.abr.2020 - Estátua da 'Fearless Girl', em Nova York (EUA), usa máscara para se 'proteger' do novo coronavírus Imagem: Rob Kim/Getty Images

29/10/2020 22h44

Washington, 30 Out 2020 (AFP) - Os Estados Unidos registraram hoje um novo recorde de casos de covid-19 em 24 horas, ao superar pela primeira vez os 90.000 novos contágios, segundo contagem da universidade Johns Hopkins.

O país, que atravessa um recrudescimento da epidemia desde meados de outubro, somou 91.290 novos casos entre quarta e quinta-feira, segundo registro às 20h30 locais das cifras da universidade, atualizadas continuamente.

Também em 24 horas, 1.021 pessoas morreram por causa da covid-19 nos Estados Unidos, de longe o país mais afetado do mundo em número de vítimas fatais.

Até a noite desta quinta-feira, o país registrava um total de 228.625 mortes desde o início da pandemia e 8,94 milhões de casos.

No sábado, o país já tinha registrado um recorde de contágios em um dia, com 88.973 casos.

Atualmente, a situação mais difícil ocorre nos estados do norte e do meio oeste do país.

A cinco dias das eleições presidenciais, o candidato democrata Joe Biden fez da gestão da crise sanitária seu principal ângulo de ataque contra o presidente Donald Trump.

Coronavírus