Conteúdo publicado há 28 dias

Bombardeio israelense perto de Rafah deixa 'grande número' de vítimas (Crescente Vermelho)

O Crescente Vermelho palestino reportou, neste domingo (26), um "grande número" de mortos e feridos em um bombardeio israelense em uma área designada como humanitária perto da cidade de Rafah, no extremo sul da Faixa de Gaza.

"As ambulâncias (...) estão transportando um grande número de mártires e pessoas feridas depois que a ocupação [israelense] atacou as tendas de campanha de pessoas deslocadas perto da sede das Nações Unidas, a noroeste de Rafah", informou o Crescente Vermelho na rede X.

Ainda segundo a organização, "este local havia sido designado pela ocupação israelense como zona humanitária".

O ministério da Saúde do governo do Hamas em Gaza e o comitê de emergência do governo de Rafah reportaram um bombardeio no centro de deslocados perto de Rafah e acrescentaram que foram registradas dezenas de mortos e feridos.

O exército israelense ainda não respondeu a um pedido de informações a respeito.

Israel lançou uma grande operação em Rafah no começo de maio, apesar das advertências internacionais sobre a morte de civis que superlotam a cidade.

Mais cedo neste domingo, o exército israelense declarou que ao menos oito foguetes foram disparados de Rafah em direção a áreas do centro de Israel.

O braço armado do Hamas confirmou ter disparado em direção a Tel Aviv "uma quantidade importante de foguetes em resposta aos massacres sionistas de civis".

bur-mca/jd/ami/js/eg/mvv

Continua após a publicidade

© Agence France-Presse

Deixe seu comentário

Só para assinantes