Conteúdo publicado há 27 dias

UE multa empresa por excluir mensagens do WhatsApp durante investigação

A Comissão Europeia multou nesta segunda-feira (24) a empresa International Flavors & Fragrances (IFF) em 15,9 milhões de euros (92,49 milhões de reais na cotação atual) porque durante uma investigação um funcionário da empresa apagou mensagens trocadas no aplicativo WhatsApp com um concorrente.

Em nota, a Comissão anunciou que, em março de 2023, ao investigar empresas do segmento de fragrâncias, pediu a inspeção dos celulares de determinados funcionários da IFF.

No entanto, a Comissão detectou que um funcionário apagou mensagens trocadas com um concorrente e que "continham informações relacionadas com negócios".

A exclusão das mensagens do WhatsApp "ocorreu após o funcionário ter sido informado da fiscalização da Comissão", afirma a nota.

Embora a IFF tenha admitido a exclusão de mensagens e colaborado para recuperar a troca, a Comissão considerou que se tratava de um caso de obstrução de investigação e a empresa aceitou a multa.

A Comissão considerou que a violação "é de natureza gravíssima, sobretudo tendo em conta que o funcionário apagou intencionalmente as mensagens do WhatsApp após ser informado sobre a fiscalização da Comissão".

Além disso, observou, a Comissão "não foi informada da eliminação dos dados. Em vez disso, os inspetores da Comissão tiveram de identificar eles próprios a eliminação depois de o celular ter sido enviado para análise".

Deixe seu comentário

Só para assinantes