Temer anunciará criação do Ministério de Segurança Pública na segunda-feira

Yara Aquino - Repórter da Agência Brasil

Temer disse que o novo ministério vai promover reuniões permanentes com governadores e secretários de segurança  Arquivo/Antonio Cruz/Agência Brasil

O presidente Michel Temer disse hoje (23), em Brasília, que vai anunciar a criação do Ministério Extraordinário de Segurança Pública na próxima segunda-feira (26). Ele evitou citar os nomes em estudo para assumir a pasta, mas disse que pelo menos dez já foram cogitados.

O presidente da República explicou que o ministério vai coordenar as ações de segurança pública em todo o país, o que, segundo ele, nenhum governo federal quis fazer até agora.

"Esse ministério vai fazer reuniões permanentes com governadores e secretários de segurança", disse em entrevista ao vivo à Rádio Bandeirantes. E completou: "Esse ministério vai coordenar a área de inteligência, porque também não basta colocar policial na rua com fuzil, precisa desbaratar o crime organizado", afirmou.

Ao falar sobre a questão financeira, Temer disse que a nova pasta pode implicar em mais gastos para administração pública, mas isso se justifica pela importância do trabalho a ser feito na área da segurança.

Perguntado se o ministério vai ser criado por medida provisória ou decreto, o presidente respondeu que ainda está examinando as hipóteses.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos