PUBLICIDADE
Topo

Polícia Civil recebe 60 fuzis que apreendeu no ano passado no Galeão

28/06/2018 11h08

Os 60 fuzis apreendidos pela Polícia Civil no Aeroporto Internacional do Galeão em junho do ano passado foram entregues hoje (28) à corporação pelo Gabinete de Intervenção federal. A doação foi autorizada pela 8ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro.  As armas de grosso calibre estavam no Batalhão de Manutenção e Suprimento de Armamentos do Exército, onde passaram por testes para assegurar seu bom funcionamento. Segundo o Gabinete de Intervenção Federal, o arsenal está em perfeitas condições. Como estavam nas mãos do crime organizado quando foram apreendidas, as armas têm numeração raspada. O primeiro trabalho da Polícia Civil será remarcá-las e registrá-las no Sistema Nacional de Armas (Sinarm), de acordo com o delegado Rafael Willis, coordenador de fiscalização de armas e explosivos da Polícia Civil. "São fuzis novos e de excelente qualidade que, com certeza, ajudarão no combate à criminalidade", disse o delegado, que participou de uma transmissão ao vivo na página do Gabinete de Intervenção Federal no Facebook. O arsenal inclui os modelos AR-10 e AK-47. As armas vieram de Miami, nos Estados Unidos, e foram encontradas por policiais civis em contêineres, onde havia aquecedores para piscinas. Quatro pessoas foram presas na operação, e um brasileiro que vive na cidade norte-americana foi apontado como responsável por traficar o armamento.