Polícia Federal instaura inquérito para investigar ameaças a Teori Zavascki

Em São Paulo

  • Eraldo Peres/AP

    Teori é o relator da Lava Jato no STF

    Teori é o relator da Lava Jato no STF

A Polícia Federal instaurou inquérito para investigar crimes de ameaça e injúria praticados contra o ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki.

O inquérito foi aberto na quinta-feira, 24, informou a Superintendência da PF no Rio Grande do Sul. O próprio ministro Teori, relator da Lava Jato no Supremo, representou pela investigação.

"Os comentários ofensivos e intimidadores foram publicados em redes sociais e também enviados por e-mail", informa a PF.

As hostilidades a Teori começaram depois que ele tirou das mãos do juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava Jato no Paraná, todas as investigações sobre o ex-presidente Lula, nomeado ministro da Casa Civil do Governo Dilma.

A PF destacou que já coletou dados e solicitou a preservação das informações para identificação dos autores das ameaças a Teori.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos