Lewandowski reabre sessão para defesa de Dilma

Brasília - A sessão de julgamento final da presidente afastada Dilma Rousseff desta segunda-feira, 29, foi retomada às 14h13 após intervalo de pouco mais de uma hora para almoço. Dilma voltará a responder perguntas de senadores. Até antes do intervalo, apenas 10 dos 49 parlamentares inscritos tinham feito questionamentos à petista. O próximo senador a falar será Aécio Neves (PSDB-MG).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos