'Não estamos discutindo o mérito, mas pressupostos jurídicos', diz Cardozo

São Paulo - O advogado da ex-presidente Dilma Rousseff, José Eduardo Cardozo, afirmou em vídeo divulgado nesta sexta-feira, 30, nas redes sociais que a defesa não está discutindo o mérito do afastamento da petista em recurso protocolado no Supremo Tribunal Federal (STF) para tenta anular o impeachment.

"Nós não estamos discutindo o mérito porque o mérito, estamos deixando isso claro na ação, é a conveniência da política ou não de se afastar uma presidenta, e sobre isso o Judiciário não pode se manifestar", comentou o advogado. O vídeo foi publicado por Dilma em seu blog, Twitter e Facebook.

Cardozo reforçou que está questionando os pressupostos jurídicos do processo, ou seja, "os procedimentos básicos necessários para garantir o direito de defesa na sua totalidade, a ausência de uma justa causa ou de motivo para que efetivamente o impeachment fosse determinado".

Cardozo afirmou que espera que o STF se debruce sobre a questão e reverta o que ele chama de "situação abusiva" dos parlamentares. "Que possamos ter um governo democraticamente eleito e dirigindo o País de acordo com a Constituição", disse.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos