Após dia mais quente do ano, São Paulo tem início de manhã com chuva

São Paulo - Após registrar o dia mais quente do ano, com temperatura que chegou a 35,9ºC, a cidade de São Paulo amanheceu nesta quinta-feira, 20, com forte chuva e ficou em estado de atenção por cerca de 50 minutos. Ao longo do dia, o tempo deve melhorar e a temperatura continuar alta, com mínima de 20ºC e máxima de 33ºC, segundo a Climatempo.

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), às 7h23, a região central da capital paulista, a Marginal do Tietê e as zonas leste e norte entraram em estado de atenção para alagamentos. Às 8h10, a situação foi normalizada e a chuva se afastou em direção a Guarulhos e Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo.

O tempo deve permanecer abafado nesta quinta-feira. Porém, no decorrer da tarde e da noite, os temporais retornam de forma mais generalizada, com raios e rajadas de vento intensas, prevê a Climatempo.

Calor recorde

Nesta quarta-feira, 19, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) registrou temperatura recorde no ano em São Paulo e 15 cidades do interior do Estado. Na capital, o Mirante de Santana, na zona norte, apontou 35,9ºC à tarde. A máxima anterior havia sido de 35ºC na última segunda-feira, 17.

"A razão para as elevadíssimas temperaturas foi a combinação de ventos quentes persistentes com a escassez de nebulosidade e de chuva e a ausência de ar polar", explicou a meteorologista da Climatempo Josélia Pegorim.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos