Pai mata filhos brasileiros e se suicida em Porto Rico

Três crianças nascidas em Criciúma (SC) foram mortas pelo pai na casa onde viviam, em Ponce, Porto Rico, segundo a polícia. O homem, um americano identificado como Erik R. Seguinot Ramírez, de 50 anos, se enforcou após cometer os crimes, na manhã de quarta, 2.

Proprietária de um centro estético na cidade, a mãe das crianças, a brasileira Marlene Martins, de 33 anos, estava em Los Angeles a trabalho quando foi informada de que Erick Gabriel, de 9 anos, Elin, de 7, e Emanuele, de 5, haviam sido encontrados mortos. Eles teriam sido estrangulados.

Marlene ficou casada por dez anos e havia se separado recentemente. No dia 10 de outubro, ela registrou ocorrência contra o marido por agressões físicas. Apesar de violento com a mulher, ele era considerado um pai amoroso, segundo a família de Marlene. "Ele nunca deu um tapa nos filhos", afirmou nesta quinta-feira, 3, Marli Rocha, irmã da mãe das crianças, que mora em Criciúma. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos