Ex-auxiliar de Dom Odilo vira bispo de Sorocaba

O papa Francisco nomeou Dom Júlio Endi Akamine, de 54 anos, como arcebispo de Sorocaba, a 90 quilômetros da capital. Dom Júlio ocupava o posto de bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo.

Em março, ele passou a atuar como vigário geral de toda a Arquidiocese de São Paulo, cargo anteriormente exercido por Dom Edmar Peron, que, em novembro de 2015, foi nomeado bispo diocesano de Paranaguá (PR).

Akamine é natural de Garça, na região centro-oeste do Estado. Ele foi ordenado em 1988 e atuou em cargos no Paraná, em Roma e em São Paulo. Em 1975, entrou no seminário da Sociedade do Apostolado Católico (Palotinos) em Londrina (PR), onde completou seus estudos no Seminário Menor São Vicente Pallotti.

A primeira congregação de Dom Júlio foi em 9 de dezembro de 1980, na mesma cidade. Em 2011, foi nomeado bispo auxiliar de São Paulo e foi vigário episcopal para a região Lapa. Ele é o atual secretário da Conferência Episcopal Regional Sul1.

Formação

Sua formação acadêmica aconteceu na Pontifícia Universidade Católica (PUC), onde cursou Filosofia de 1981 a 1983. Em 1984, estudou Teologia no Studim Teologicum Claretianum, na Arquidiocese de Curitiba. Também fez mestrado Em Teologia, pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma (de 1993 a 1995), além de doutorado (2001 a 2005) na mesma instituição.

Dom Júlio também ocupou o cargo de professor de teologia no Studim Theologicum, em Curitiba, onde lecionou matérias de Teologia Sacramental Geral, Sacramentos da Iniciação Cristã, Eclesiologia, Trindade, Introdução à Teologia e Teologia Fundamental.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos