Integrante da Mocidade coloca rosa branca em local de acidente

Rio - Um integrante da Mocidade Independente de Padre Miguel, terceira escola a desfilar hoje na Marquês de Sapucaí, colocou rosas brancas no local do acidente que deixou 20 feridos na noite de domingo.

"A gente é solidário ao que aconteceu, as flores simbolizam nosso amor pelo carnaval", disse o presidente da Mocidade, Wandyr Trindade, momentos antes do início do desfile da escola.

O acidente de domingo foi provocado por um problema no último carro do Paraíso do Tuiuti, que, desgovernado, imprensou pessoas contra a grade.

Mais cedo, o presidente da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), Jorge Castanheira, abriu a Passarela do Samba pedindo uma oração para as vítimas. Ele contou que visitou uma das pessoas hospitalizadas, mas não pôde entrar, por se tratar de um Centro de Tratamento Intensivo (CTI), área restrita. Amanhã, Castanheira pretende voltar, com o presidente da Riotur, Marcelo Alves, para visitar outras vítimas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos