No 1º de maio, italianos fazem 'funeral' em lojas abertas

FLORENÇA, 01 MAI (ANSA) - O dia 1º de maio, assim como no Brasil, é feriado na Itália para homenagear o trabalhador. No entanto, também como no gigante sul-americano, alguns negócios no país da bota abrem suas portas nessa data.   

Para protestar contra essa realidade, sindicatos realizaram um "funeral" em uma unidade do Carrefour em Carrara, na Toscana, que decidiu funcionar neste 1º de maio. Os manifestantes chegaram até a entrar com um caixão dentro do mercado, simbolizando a morte dos direitos dos trabalhadores.   

"Foi uma iniciativa que teve muita participação. Não é admissível que o trabalho não se interrompa nem mesmo em um dia importante como o da festa dos trabalhadores", declarou o secretário local da Confederação Geral Italiana do Trabalho (Cgil), Paolo Gozzani.   

Protestos semelhantes também foram registrados em outros pontos comerciais toscanos que abriram suas portas neste domingo.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos