Oficial que matou terrorista de Berlim estava em treinamento

MILÃO, 23 DEZ (ANSA) - O policial que matou a tiros na madrugada desta sexta-feira (23) na cidade italiana de Sesto San Giovanni o tunisiano Anis Amri, suspeito de ter realizado o ataque terrorista a um mercado de Natal em Berlim, na Alemanha, na última segunda-feira (19), ainda estava em treinamento.   

Luca Scatà, de 29 anos, é originário da pequena cidade de Canicattì, na Sicília, no sul da Itália. O policial estava trabalhando com o agente Christian Movio, de 36 anos, que acabou sendo atingido por um tiro nas costas no tiroteio, mas que passa bem em um hospital de Monza. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos