BCE mantém taxas de juros e promete continuar com estímulos

ROMA, 27 ABR (ANSA) - O Banco Central Europeu (BCE) manteve as taxas de juros básicas em seus mínimos históricos no anúncio realizado nesta quinta-feira (27). Com isso, o índice principal de jutos ficou em 0,00%, a taxa de depósitos bancários em -0,40% e a taxa sobre empréstimos marginais em 0,25%.   

De acordo com o anúncio da entidade, o BCE pretende manter as taxas de interesse nos níveis atuais ou mais baixos por um "período prolongado de tempo", bem como a manutenção do programa de "Quantative Easing" (QE), também conhecido como relaxamento quantitativo, até dezembro.   

Durante a coletiva de imprensa, o presidente da entidade, Mario Draghi, desmentiu a informação publicada por fontes especializadas de que há um plano para mudar algumas das posições econômicas adotadas pelo BCE. "Nunca discutimos isso", informou Draghi.   

Ele ainda ressaltou que, antes de pensar em uma normalização da política monetária na zona do euro, é preciso que a inflação esteja no nível desejado pela entidade, próxima mas inferior aos 2%. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos