FCA apresenta solução 'rápida' para resolver caso nos EUA

NOVA YORK, 24 MAI (ANSA) - A Fiat Chrysler Automobiles (FCA) apresentou a um juiz federal de São Francisco uma solução "rápida" para resolver o caso em que é acusada de ter violado normas ambientais nos Estados Unidos.   

Segundo os advogados da empresa, foram propostas à Agência de Proteção Ambiental (EPA) modificações que poderiam ser aprovadas dentro de poucas semanas para encerrar a pendência jurídica.   

Em 19 de maio, a FCA depositou o pedido de certificação dos veículos Jeep Grand Cherokee e Ram 1500 modelo-ano 2017 com uma atualização no software que calcula as emissões de poluentes em motores a diesel.   

Se a solução for aprovada, a Fiat Chrysler pretende instalar o programa nas quase 104 mil unidades dos mesmos carros, mas modelos-ano 2014, 2015 e 2016, que são objeto de contestação nos EUA. Na última terça-feira (23), o Departamento de Justiça dos Estados Unidos abriu uma causa contra a FCA por conta de supostas irregularidades em veículos com motor a diesel vendidos no mercado norte-americano.   

O governo acusa a empresa de ter equipado 104 mil carros com um software que não teria sido declarado a inspetores durante os procedimentos de certificação. Segundo o Departamento de Justiça, esse sistema servia para burlar controles de poluentes.   

A FCA se disse "contrariada" com a decisão e destacou que pretende "se defender com força, principalmente contra a acusação de que teria deliberadamente tramado para instalar equipamentos de manipulação para evitar os testes de emissões nos Estados Unidos". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos