PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Sérvios não são culpados por massacres,diz procurador do TPI

22/11/2017 11h14

BRUXELAS, 22 NOV (ANSA) - O procurador-chefe do Tribunal Penal Internacional (TPI), Serge Brammertz, afirmou que a condenação à prisão perpétua do ex-general sérvio Ratko Mladic "não é um veredito contra todos os sérvios", mas apenas contra o ex-militar.   

"Alguns hoje declararão que esse julgamento é um veredito contra os sérvios. O meu escritório rejeita essa acusação nos termos mais absolutos. A culpa de Mladic é sua, apenas sua. Outros dirão que Mladic é um herói e que estava defendendo a sua gente.   

Essa sentença mostra que isso não pode estar mais longe da verdade. Mladic será lembrado pela história por muitas comunidades e vida destruídas", afirmou Brammertz após a audiência.   

De acordo com o procurador, a decisão tomada hoje "é uma pedra angular na história do tribunal e na justiça criminal internacional". "Ele foi um dos primeiros a ser incriminado aqui e será o último a ser condenado", destacou ainda em referência ao fim dos trabalhos do TPI em 31 de dezembro deste ano. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional