'Turismo de neve' deve crescer quase 8% na Itália

ROMA, 26 DEZ (ANSA) - Durante as festas de final e início de ano - Natal, Ano Novo e Epifania (no dia 6 de janeiro) -, a Itália deve receber 1,8 milhão de visitantes, uma alta de 7,7% na comparação com o ano passado. Além disso, as viagens nessa época, conhecidas como "turismo branco", por conta da neve, devem arrecadar 1,6 milhões de euros. Os dados foram coletados pela Confederação Nacional dos Ofícios e da Pequena e Média Empresa (CNA). De acordo com as estimativas, as regiões que mais crescerão em número de visitas, em relação a 2016, serão Trentino-Alto Ádige (+19%), Lombardia (+17%) e Piemonte (+16%). Desconsiderando os impostos, prevê-se que os hotéis lucrem 585 milhões de euros, aliados aos 580 milhões de euros de serviços turísticos. Já os restaurantes, centros comerciais e entretenimento devem arrecadar 205 milhões de euros. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos