PUBLICIDADE
Topo

Internacional

França define policial refém em ataque como 'herói'

23/03/2018 11h57

PARIS, 23 MAR (ANSA) - O ministro do Interior da França, Gerard Collomb, definiu como "herói" o último refém mantido pelo marroquino do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) em um supermercado de Trèbes nesta sexta-feira (23).   

"Um tenente-coronel da Gendarmaria se ofereceu para substituir os reféns no supermercado e ficou sozinho com o terrorista", disse o ministro durante coletiva de imprensa após a polícia neutralizar o terrorista.   

A ação aconteceu às 14h25 (horário local) e dois gendarmes das forças de intervenção do Grupo de Intervenção da Gendarmaria Nacional (GIGN) ficaram feridos, assim como o agente que era mantido refém. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional