PUBLICIDADE
Topo

Itália tem menor número de casos de coronavírus em quase 100 dias

Equipe de demonstração acrobática da Força Aérea Italiana sobrevoa a Basílica de Santa Maria da Saúde enquanto realiza uma turnê nacional para mostrar unidade e solidariedade após o surto de coronavírus em Veneza, Itália - MANUEL SILVESTRI/REUTERS
Equipe de demonstração acrobática da Força Aérea Italiana sobrevoa a Basílica de Santa Maria da Saúde enquanto realiza uma turnê nacional para mostrar unidade e solidariedade após o surto de coronavírus em Veneza, Itália Imagem: MANUEL SILVESTRI/REUTERS

04/06/2020 13h34

Apesar da reabertura das atividades sociais e econômicas nas últimas semanas, a Itália registrou hoje o menor número de novos casos do coronavírus Sars-CoV-2 em quase 100 dias.

Segundo balanço da Defesa Civil, foram constatados mais 177 contágios em 24 horas, menor valor desde 26 de fevereiro, quando haviam sido contabilizados 78 novos casos. Naquela época, a Itália tinha acabado de descobrir os primeiros registros de transmissão interna do Sars-CoV-2, nas regiões da Lombardia e do Vêneto.

Agora, passados 99 dias, a Itália tem 234.013 casos e 33.689 mortes na pandemia, após crescimento de 88 óbitos nesta quinta, leve aumento em relação aos 71 confirmados na última quarta. O país também soma 161.895 pacientes curados e 38.429 casos ativos (que descartam mortos e recuperados).

A Itália deu na última quarta o passo mais ambicioso em seu cronograma de reabertura após a quarentena, com o desbloqueio das fronteiras regionais e do Espaço Schengen, área de livre circulação na Europa.

No dia 18 de maio, no entanto, o governo já havia autorizado deslocamentos dentro da mesma região e a reabertura do comércio e de restaurantes, igrejas, salões de beleza, praias e museus, mas isso não provocou um aumento dos casos diários.

Coronavírus