PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Papa encoraja Biden a favorecer "reconciliação e paz" nos Estados Unidos e entre as nações

O Papa Francisco - Getty Images
O Papa Francisco Imagem: Getty Images

20/01/2021 15h43

O papa Francisco enviou uma mensagem nesta quarta-feira (20) ao novo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pedindo que ele promova a "reconciliação" do povo norte-americano e que tenha cuidado com os mais vulneráveis.

No documento, o Pontífice desejou ainda "cordiais desejos de boa sorte" e que "sob sua liderança, possa o povo americano continuar a extrair força dos elevados valores políticos, éticos e religiosos que inspiraram a nação desde a sua fundação".

"Em um momento no qual a grave crise que a nossa família humana enfrenta pede respostas de longo prazo e unidas, peço que as suas decisões sejam guiadas pela preocupação para a construção de uma sociedade caracterizada pela autêntica justiça e liberdade, junto ao respeito infalível dos direitos e da dignidade de cada pessoa, especialmente, os mais pobres, os vulneráveis e aqueles que não têm voz", escreveu o Pontífice. O líder católico disse que reza para que Deus, "a fonte de toda a sabedoria e verdade, guie seus esforços para favorecer a compreensão, a reconciliação e a paz nos Estados Unidos e entre as nações do mundo com o fim de promover o bem comum universal".

"Com esses sentimentos, eu invoco de bom grado sobre você, sua família e a todo o amado povo americano uma abundância de bênçãos", conclui o comunicado.

Internacional