Conteúdo publicado há 1 mês

Última barreira da entrada da Suécia na Otan, parlamento da Hungria aprova adesão

O Parlamento da Hungria aprovou nesta segunda-feira (26) a adesão da Suécia à Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), derrubando o último obstáculo para a entrada do país escandinavo na aliança militar.

O ingresso de Estocolmo na Otan recebeu 188 votos favoráveis e apenas seis contrários. "Hoje é um dia histórico. Os parlamentos de todos os Estados-membros da Otan votaram a favor da adesão da Suécia", comemorou o premiê sueco, Ulf Kristersson.

"A Suécia está pronta a assumir a própria responsabilidade pela segurança euro-atlântica", acrescentou. Já o secretário-geral da aliança, Jens Stoltenberg, declarou que a organização fica "mais forte e segura".

A Suécia será o 32º membro da Otan e havia pedido sua adesão em 2022, na esteira da invasão russa à Ucrânia, assim como a Finlândia.

Os dois países escandinavos romperam sua histórica política de neutralidade para garantir proteção contra eventuais agressões de Moscou, e Helsinque já é membro desde abril de 2023.

Deixe seu comentário

Só para assinantes