Conteúdo publicado há 1 mês

Papa cobra que países envolvidos em guerras negociem a paz

O papa Francisco voltou a fazer neste domingo (7) um apelo para que países envolvidos em guerras comecem a negociar.

Após a oração Regina Caeli, pronunciada de uma janela do Palácio Apostólico, no Vaticano, o líder da Igreja Católica pediu que os fiéis rezassem por uma "paz justa e duradoura, em particular para a martirizada Ucrânia e para a Palestina e Israel".

"Que o espírito do Senhor ressuscitado ilumine e apoie aqueles que trabalham para diminuir a tensão e favorecer gestos que tornem as negociações possíveis", disse o Papa para cerca de 15 mil pessoas reunidas na Praça São Pedro.

"Que o Senhor dê aos dirigentes a capacidade de parar um pouco para tratar, para negociar", acrescentou.

Deixe seu comentário

Só para assinantes