Abbas comparecerá ao funeral de Shimon Peres

Presidente da Autoridade Palestina é o primeiro líder árabe a anunciar presença no evento oficial de despedida a um dos pais fundadores do Estado israelense, em Jerusalém. Abbas não visita o país vizinho há seis anos.O presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas, pediu para comparecer ao funeral do ex-líder israelense Shimon Peres nesta sexta-feira (30/09), em Jerusalém, e teve sua solicitação aceita pelo primeiro-ministro Benjamin Netanyahu. Abbas deve ser acompanhado de uma delegação de políticos de alto escalão palestinos, incluindo Muhammad al-Madani, encarregado da Autoridade Palestina de relações com a sociedade israelense, e Saeb Erekat, secretário-geral da Organização para a Libertação da Palestina (OLP). Segundo uma fonte oficial palestina ouvida pela agência de notícias AP, com a visita a Jerusalém, Abbas pretende "enviar uma longa mensagem à sociedade israelense de que os palestinos são a favor da paz e apreciam os esforços de homens pacíficos como Shimon Peres". Peres, que foi presidente e primeiro-ministro, morreu nesta quarta-feira aos 93 anos. Ele foi um dos fundadores do Estado de Israel e recebeu, em 1994, o Prêmio Nobel da Paz por seus esforços para a resolução do conflito com os palestinos. As negociações de paz estão congeladas desde 2014 e, portanto, não estava claro se Abbas compareceria ao funeral. Está será a primeira visita do líder palestino a Israel desde 2010 e deve ser a primeira vez que ele cumprimentará Netanyahu desde novembro passado. Na quarta-feira, ele enviou condolências à família de Peres, destacando que o político lutou pelo paz até o dia de sua morte. Abbas foi o primeiro líder árabe a anunciar sua presença no funeral. Primeiras homenagens Nesta quinta-feira, líderes israelenses e a população do país prestaram as primeiras homenagens a Peres em Jerusalém. Carregado por uma guarda militar e envolto por uma bandeira israelense, o caixão do ex-líder foi colocado diante do Knesset, o Parlamento israelense. Netanyahu e o presidente Reuven Rivlin depositaram coroas de flores ao lado do caixão, enquanto as bandeiras do Parlamento eram mantidas a meio-mastro. Milhares de pessoas devem passar pelo local para se despedir de Peres até a noite desta quinta-feira. Para o funeral de Estado desta sexta-feira, além de Peres, são aguardados líderes como os presidentes americano, Barack Obama, alemão, Joachim Gauck, e francês, François Hollande. LPF/ap/afp/rtr/dpa/ots

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos