Polícia canadense acusa enfermeira de matar 8 idosos

Toronto (Canadá), 25 out (EFE).- Uma enfermeira de 49 anos foi acusada nesta terça-feira pela Polícia canadense de causar a morte de oito idosos em duas residências do país entre 2007 e 2014.

A Polícia afirmou durante uma entrevista coletiva realizada na cidade de Woodstock, a 150 quilômetros de Toronto, que Elizabeth Tracey Mae Wettlaufer foi detida e acusada de oito assassinatos e que uma investigação segue aberta para identificar se ela foi autora de outras mortes. Sete vítimas moravam no mesmo asilo onde Elizabeth trabalhava.

A Caressant Care Caressant Care, que atua em 15 residências de idosos em localidades rurais do Canadá, confirmou através de um comunicado que há dois anos Elizabeth foi funcionária da empresa e que está colaborando com a Polícia na investigação.

Os idosos que foram vítimas da enfermeira tinham entre 75 e 96 anos. Sete deles vieram a óbito depois de receber doses mortais de remédios.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos