Nacionalista é reeleito chefe do Governo basco com apoio socialista

Vitoria (Espanha), 24 nov (EFE).- O Parlamento regional do País Basco reelegeu nesta quinta-feira presidente do Governo (lehendakari) o nacionalista Iñigo Urkullu (PNV), graças ao apoio dos socialistas, após um pacto entre os partidos para um executivo de coalizão.

Com este acordo, Urkullu, do Partido Nacionalista Basco, tomou distância de qualquer aspiração independentista, ao contrário do que ocorre na Catalunha, as duas regiões espanholas com um sentimento nacionalista mais forte.

O lehendakari reeleito escolheu avançar na reforma do estatuto de autonomia da região através de um novo pacto que fique dentro da legalidade vigente na Espanha, o que lhe aproximou dos socialistas.

Com esta opção, Urkullu se distanciou dos independentistas do EH Bildu, segunda maior força no Parlamento, que reivindicam uma consulta vinculativa sobre a independência.

O PNV ganhou as eleições regionais do dia 25 de setembro com 28 cadeiras das 75 que compõem a câmara basca, por isso que precisava do apoio de outro grupo para governar, que finalmente encontrou nas nove cadeiras do PSE.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos