Procuradoria inspeciona escritórios da Odebrecht e três bancos no Panamá

Cidade do Panamá, 28 dez (EFE).- O Ministério Público do Panamá inspecionou nesta quarta-feira os escritórios da Odebrecht no país, além de três bancos, no marco das investigações que realiza sobre a construtora brasileira, informaram fontes judiciais e veículos de comunicação locais.

A inspeção foi realizada pela Procuradoria Especial Anticorrupção (FEA), criada nesta própria quarta-feira para investigar exclusivamente os casos de suposta corrupção que envolvem a Odebrecht, como o pagamento de US$ 59 milhões em subornos a funcionários, disse à Agência Efe uma fonte judicial.

O MP panamenho não detalhou o resultado destas diligências.

A emissora de televisão local "TVN", por sua vez, afirmou que a revista nas três entidades bancárias, não identificadas, foi efetuada para verificar o status das contas da Odebrecht.

Esta foi a primeira atuação da Procuradoria Especial, que manejará os "casos complexos" da empresa brasileira, que envolvem "supostos crimes de corrupção, lavagem de capitais e crime organizado", segundo o MP do Panamá.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos