Melania Trump tira fotos e desenha com crianças doentes em Roma

Cidade do Vaticano, 24 mai (EFE).- A primeira-dama dos Estados Unidos, Melania Trump, visitou nesta quarta-feira o hospital infantil Bambino Gesu, em Roma, onde conversou com um grupo de aproximadamente 15 crianças internadas, tirou fotos com elas e pintou vários desenhos.

Melania chegou ao hospital pouco antes das 11h (hora local; 6h em Brasília), após concluir junto ao presidente americano, Donald Trump, a visita ao Vaticano, onde cumprimentou o papa Francisco.

No hospital, Melania visitou a Unidade de Tratamento Intensivo de Cirurgia Cardíaca e o Departamento de Medicina e Cirurgia Pediátrica Cardiológica, se reuniu com várias crianças doentes em uma ludoteca e depois rezou em uma capela.

Ao chegar ao centro médico, a primeira-dama foi recibida pela presidente do hospital, Mariella Enoc, e por um menino e uma menina que a entregaram um buquê de rosas brancas e vermelhas.

Depois, Melania entrou no hospital, onde visitou a ludoteca na qual permaneceu durante 20 minutos com crianças com idades entre cinco e dez anos. As crianças a receberam com desenhos e cartazes de "Bem-vinda" pendurados nas paredes.

"Como estão? Tudo bem?", perguntou Melania em italiano aos pequenos. "O que estão fazendo?", acrescentou, já em inglês, antes de se sentar com elas ao redor de uma mesa para desenhar uma flor e conversar com ajuda de um tradutor.

Terminado o desenho, Melania tirou várias fotos individualmente com as crianças e as chamou para uma foto em grupo, na qual todos fizeram o sinal da paz com os dedos.

Ao fim do encontro, a primeira-dama presenteou as crianças com quebra-cabeças com a imagem da Casa Branca e, como retribuição, ganhou diversos desenhos. Antes de ir embora, assinou o livro e deixou uma mensagem em inglês: "Foi ótimo visitar vocês. Continuem fortes e positivos. Muito amor".

Por último, Melania se dirigiu à capela do hospital, onde acendeu uma vela e rezou sozinha durante alguns minutos. O Hospital Bambino Gesu foi criado em 1869 como o primeiro hospital infantil na Itália e em 1924 foi doado à Santa Sé.

A visita da primeira-dama americana ao hospital ocorreu enquanto Donald Trump se encontrava com o presidente da Itália, Sergio Mattarella, e o premier italiano, Paolo Gentiloni. Ao mesmo tempo, Ivanka, filha do presidente, visitava a associação católica de Santo Egídio, no bairro romano de Trastevere.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos