PUBLICIDADE
Topo

Jovem saudita que ameaçou queimar automóveis das mulheres é detido

29/09/2017 10h49

Riad, 29 set (EFE).- A polícia saudita deteve nesta sexta-feira um jovem que publicou um vídeo ameaçando queimar os automóveis das mulheres, três dias depois de o país anunciar que, pela primeira, permitirá que pessoas do sexo feminino dirijam.

O porta-voz da polícia na província da Al Manteqa al Sharquiya (leste), Zeiyad al Raquiti, informou em comunicado que o jovem, de cerca de 20 anos, foi levado à Promotoria para ser interrogado.

Em um vídeo divulgado no Youtube, o jovem apareceu durante segundos dizendo que jura por Deus que queimará o carro de mulheres que causem alguma avaria em seu veículo.

A partir de junho de 2018 as mulheres poderão obter uma permissão para conduzir no reino ultraconservador, depois que na terça-feira o rei Salman bin Abdelaziz, deu esta ordem reconhecendo desta forma um dos direitos pelos quais os ativistas lutaram durante décadas.

A medida abre a porta para a transformação não só social, mas também econômica, já que as mulheres poderão comprar e conduzir veículos e realizar mais atividades por si mesmas, e já não necessitarão de um motorista que as acompanhe em seus deslocamentos. EFE

sa/ff