PUBLICIDADE
Topo

Mais de 40 membros do EI se rendem no nordeste da Síria, divulga ONG

31/12/2017 18h38

Cairo, 31 dez (EFE).- Mais de 40 membros do grupo terrorista Estado Islâmico (EI) se renderam às Forças da Síria Democrática, aliança liderada por milícias curdas, na província de Deir Zor, no nordeste do país, conforme divulgou neste domingo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

A ONG relatou que os combatentes entregaram as armas a coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos, no marco da campanha "Tempestade de Al Yazira", durante confrontos na parte oriental do rio Eufrates.

O Observatório informou que os radicais foram levados para diversas regiões na província de Al Hasaka, um dos principais enclaves curdos na Síria.

Desde 18 de outubro, quando foi anunciada a libertação de Al Raqa, considerada até então a "capital" do Estado Islâmico na Síria, os jihadistas têm se dirigido para a região do Vale do rio Eufrates, em busca de refúgio, já que se trata de uma das poucas regiões que ainda controlam no país.

Contudo, as Forças da Síria Democrática já iniciaram ofensiva na região, para completar a expulsão do grupo do país.