Hernández toma posse para segundo mandato como presidente de Honduras

Tegucigalpa, 27 jan (EFE).- O presidente de Honduras, Juan Orlando Hernández, tomou posse neste sábado para o seu segundo mandato, dois meses após ser reeleito nas eleições gerais de 27 de novembro do ano passado.

"Prometo ser fiel à República, cumprir e fazer cumprir a Constituição e as leis", jurou Hernández.

O político, de 49 anos, foi empossado no Estádio Nacional de Tegucigalpa, onde o chefe do Parlamento, Mauricio Oliva, lhe deu a faixa presidencial.

"Fica em posse do seu cargo e que Deus o abençoe", desejou Oliva a Hernández, que compareceu à cerimônia acompanhado por sua esposa, Ana García.

Diplomatas, representantes de órgãos internacionais, membros dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário e outros convidados assistiram hoje à posse do presidente, que também contou com a presença de milhares de hondurenhos no Estádio Nacional.

Uma hora antes de Hernández assumir, policiais e militares dispersaram com gás lacrimogêneo uma manifestação liderada pelo ex-candidato presidencial da Aliança de Oposição contra a Ditadura, Salvador Nasralla, e seu coordenador-geral, o ex-presidente hondurenho Manuel Zelaya.

Os manifestantes, cantando "fora JOH" (Juan Orlando Hernández), caminharam poucos metros em direção ao Estádio Nacional quando foram dispersados no momento em que passavam por uma avenida no leste da capital hondurenha.

Nasralla tinha dito na sexta-feira que se o povo se reunisse hoje nos arredores do Estádio Nacional, passaria por cima do exército para impedir a posse de Hernández.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos