PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Cerca de 500 salvadorenhos de caravana de migrantes pedem asilo no México

31/10/2018 17h38

San Salvador, 31 out (EFE).- Cerca de 500 salvadorenhos que saíram em caravana no último domingo rumo aos Estados Unidos pediram asilo no México, informou nesta quarta-feira a vice-ministra para cidadãos do país centro-americano no exterior, Liduvina Magarín.

De acordo com Magarín, mais de 300 migrantes "fizeram a solicitação de asilo" ontem e "foram checados pelas autoridades e levados a albergues" em território mexicano.

A vice-ministra explicou que outros 200 salvadorenhos encaminharam hoje o pedido de asilo no México, e que a resposta oficial do país pode demorar até 45 dias.

"As autoridades decidiram que, enquanto esperam a decisão final (sobre a qualificação ou não dos salvadorenhos para o asilo), terão livre mobilidade dentro do estado de Chiapas", disse.

Uma segunda caravana de mais de 600 integrantes iniciou também hoje, em San Salvador, seu percurso rumo aos Estados Unidos, e alguns, segundo a imprensa local, já chegaram à fronteira com a Guatemala.

Os salvadorenhos se somaram assim a duas caravanas que saíram de Honduras, a primeira em 13 de outubro, em direção aos EUA, e que está atualmente cruzando o México, após passar pela Guatemala.

O governo de Donald Trump criticou duramente os países centro-americanos por não impedirem a viagem de seus cidadãos, e confirmou ontem que colocará pelo menos 5.239 militares na fronteira com o México para evitar a entrada destes migrantes.

Internacional