PUBLICIDADE
Topo

Indonésia encontra caixas-pretas de avião que caiu com 189 ocupantes

01/11/2018 02h13

Jacarta, 1 nov (EFE).- As autoridades da Indonésia encontraram, nesta quinta-feira, a caixa-preta do avião da companhia aérea de baixo custo Lion Air que caiu na última segunda no mar de Java com 189 ocupantes sem deixar sobreviventes, de acordo com informações da imprensa local.

As equipes de busca e resgate retiraram hoje a caixa como mostram imagens divulgadas pela emissora "MetroTV", depois de detectar um sinal consistente no dia anterior nas águas do cabo Karawang, perto de Jacarta, onde caiu a aeronave.

O vídeo transmitido por várias emissoras de TVs locais mostra uma caixa grande presumivelmente cheia de água para preservar as caixas-pretas úmidas e que não se sequem, o que poderia danificar o registro.

O diretor da Comissão Nacional de Segurança dos Transportes (KNKT), Soerjanto Tjahjono, disse ontem à noite que detectaram um sinal de frequência regular em intervalos de menos de um segundo, mas que as correntes e pouca visibilidade dificultavam as operações.

Soerjanto disse que o resultado da investigação completa poderia demorar até seis meses, embora o comitê publicará um relatório preliminar em um mês.

Por enquanto, as equipes de buscas retiraram 56 sacos com restos mortais de pelo menos dez pessoas, segundo os últimos dados da Agência Nacional de Busca e Resgate da República da Indonésia (Basarnas).

O voo JT 610 desapareceu dos radares na manhã de segunda-feira, 13 minutos depois de decolar do aeroporto de Jacarta com destino a Pangkal Pinang, na ilha de Bangka (norte).