Topo

Estado Islâmico assume autoria de atentado duplo com 3 mortos em Bagdá

16/07/2019 11h40

Bagdá, 16 jul (EFE).- O grupo jihadista Estado Islâmico (EI) assumiu nesta terça-feira a autoria de uma dupla explosão ocorrida ontem à noite em um funeral da comunidade xiita em Bagdá na qual morreram três pessoas, entre elas o terrorista suicida, e outras 25 ficaram feridas.

Uma bomba improvisada foi detonada nas imediações de um templo xiita no sudoeste da capital iraquiana e pouco depois um suicida detonou seu colete de explosivos na mesma região, explicou hoje à Agência Efe o porta-voz do comando da polícia local, Ali al Miahi.

A ação, cometida durante um funeral, deixou dois mortos e 25 feridos, além da morte do jihadista suicida, detalhou a fonte.

O Estado Islâmico reivindicou a autoria do atentado em comunicado da agência "Amaq", vinculada ao grupo jihadista.

Segundo sua versão, dois homens armados com metralhadoras e granadas atacaram o templo xiita e posteriormente se sacrificaram, enquanto também assumiu a responsabilidade pela explosão de uma moto-bomba no norte da cidade.

Segundo o EI, houve 90 vítimas entre mortos e feridos.

Após a derrota do EI no Iraque no final de 2017, Bagdá registrou uma considerável queda no número de atentados, embora estes sigam acontecendo em alguns pontos, especialmente contra membros da comunidade xiita, majoritária no país. EFE

Mais Notícias