City e Arsenal goleiam, Mourinho tem frustração

LONDRES (Reuters) - O Manchester City venceu o West Brom por 4 a 0, encerrando a pior sequência de resultados da carreira de Pep Guardiola como treinador, mas o calvário de José Mourinho continua, depois de o técnico do Manchester United ser expulso, assim como Ander Herrera, no empate sem gols com o Burnley, em Old Trafford, neste sábado.

O United, com um gol em quatro partidas e uma solitária vitória em sete, agora precisa observar os candidatos ao título do Campeonato Inglês afastarem-se.

Todo mundo marcou duas vezes: Sergio Agüero e Ilkay Gündogan para o City, e Alexis Sánchez e Olivier Giroud na vitória do Arsenal por 4 x 1 sobre o Sunderland. Os Gunners têm 23 pontos, mesmo número do líder City, mas estão atrás no saldo de gols.

O Tottenham, que enfrenta o Arsenal no próximo final de semana, ficou para trás ao empatar por 1 x 1 com o Leicester, enquanto o Liverpool joga ainda neste sábado. 

Se Guardiola era apenas sorrisos depois de sua primeira vitória em sete jogos, houve mais frustração para Mourinho, que começou o segundo tempo atrás do túnel de acesso, antes de ser transferido para o camarote dos diretores.

O português ficou possesso porque o árbitro Mark Clattenburg não puniu Jon Flanagan por uma falta em Matteo Darmian, mas ficará tão insatisfeito quanto com o seu time, que não conseguiu marcar em 37 tentativas, 11 das quais foram salvas pelo goleiro do Burnley, Tom Heaton. 

(Por Neil Robinson)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos