PUBLICIDADE
Topo

Alphabet acusa Uber de roubo de tecnologia para veículos autônomos

24/02/2017 08h23

SAN FRANCISCO (Reuters) - A unidade de carros autônomos da Alphabet Waymo processou o Uber Technologies e sua subsidiária de transporte autônomo para caminhão Otto na quinta-feira, alegando roubo de sua tecnologia própria e confidencial de sensores.

A Waymo acusou o Uber e a Otto, unidade adquirida pela empresa de transporte urbano em agosto, de roubo de informações confidenciais sobre a tecnologia de sensor Lidar da Waymo para ajudar a acelerar seus próprios esforços em tecnologia autônoma.

"A tecnologia LiDAR da Uber é, na verdade, a tecnologia LiDAR da Waymo", diz a denúncia da Waymo no Distrito Norte da Califórnia.

O Uber disse que levou "as alegações feitas contra funcionários da Otto e da Uber com seriedade e vamos rever este assunto com cuidado".

A Lidar, que utiliza pulsos de luz refletidos sobre objetos para medir sua posição na ou perto da estrada, é um componente crucial de sistemas de condução autônoma. Os sistemas anteriores foram proibitivamente caros e a Waymo procurou projetar um mais de 90 por cento mais barato, tornando sua tecnologia Lidar entre os "ativos mais valiosos da empresa", disse a Waymo.

A Waymo está pedindo um montante não especificado em danos e uma ordem judicial que impede o Uber de usar suas informações proprietárias.

(Reportagem de Alexandria Sage)