Sortudo, Hamilton acaba com seca e vence GP no Azerbaijão

Por Alan e Baldwin

BAKU (Reuters) - Lewis Hamilton festejou uma das vitórias mais sortudas de sua carreira no domingo, depois de um grande prêmio caótico e cheio de acidentes do Azerbaijão que o catapultou para a liderança do campeonato mundial de Fórmula 1.

A vitória surpresa, depois que o companheiro de equipe Valtteri Bottas teve um pneu furado a três voltas do fim enquanto liderava, encerrou uma seca de seis corridas pelo quatro vezes campeão.

Foi a primeira vitória da temporada para a campeã Mercedes.

Em uma corrida onde o Safety Car voltou a desempenhar um papel importante, com uma série de acidentes e quebras, Kimi Raikkonen terminou em segundo lugar para a Ferrari, enquanto o mexicano Sergio Perez foi terceiro para a Force India.

Sebastian Vettel, da Ferrari, que liderou o campeonato antes de Baku e parecia estar em busca de sua 50ª vitória na carreira e terceira de quatro nesta temporada, largou na pole position, mas terminou em quarto.

Hamilton agora tem 70 pontos ante os 66 de Vettel.

O australiano da Red Bull, Daniel Ricciardo, vencedor do ano passado em Baku e também na China há dois fins de semana, bateu nas costas do companheiro de equipe Max Verstappen em uma colisão na 40ª volta e que encerrou a corrida para os dois.

"Foi uma corrida bastante emocionante. Valtteri fez um trabalho excepcional e mereceu a vitória, Sebastian também fez um ótimo trabalho, então parece um pouco estranho estar aqui", comentou Hamilton no pódio.

"Definitivamente uma corrida desordenada para mim."

O britânico começou na primeira linha pela primeira vez desde que conquistou a pole na abertura da temporada australiana, mas nunca pareceu vencedor até que a sorte Vettel e Bottas da equação.

"Foi uma corrida tão louca, tão empolgante ... sair com uma vitória, me sinto incrivelmente grato", disse Hamilton.

O espanhol Carlos Sainz foi o quinto da Renault com o novato monegasco Charles Leclerc, sexto pela Sauber, seus primeiros pontos na Fórmula 1.

O neo-zelandês Brendon Hartley também comemorou seu primeiro ponto depois de ficar em 10º pela Toro Rosso.

A McLaren, que teve sua pior classificação da temporada no sábado, terminou com dois pontos finais - Fernando Alonso em sétimo e Stoffel Vandoorne em nono.

O canadense Lance Stroll, terceiro em Baku no ano passado, terminou em oitavo e deu aos ex-campeões Williams os seus primeiros pontos do ano.

Apenas 13 carros terminaram a corrida.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos