Terremoto atinge região central do México, estremece cidades, mas não causa danos

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - Um terremoto estremeceu partes da região central do México na tarde desta quinta-feira, sacudindo edifícios na capital mexicana e fazendo com que moradores ansiosos saíssem às ruas do país propensos a terremotos, mas não houve relatos imediatos de danos.

O terremoto registrou magnitude de 5,8, de acordo com o Serviço Geológico dos EUA (USGS). Seu epicentro atingiu o Estado central de Puebla, ao sul da Cidade do México, a uma profundidade de 44 quilômetros, segundo o USGS.

Não houve relatos imediatos de danos na capital, escreveu o prefeito da Cidade do México, Martí Batres, em uma publicação nas redes sociais, e também não houve relatos de danos em Puebla, segundo o governador do Estado.

Alarmes de terremoto soaram por toda a Cidade do México, fazendo com que as pessoas saíssem das empresas e casas.

Manuel Maldonado dirigia no bairro Anzures, no centro da capital, quando o alarme soou e o trânsito parou. Ele disse que podia sentir seu carro tremer.

“Este foi forte. Para mover o carro, foi forte”, disse ele.

(Reportagem de Kylie Madry, Dave Graham e Cassandra Garrison)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes