PUBLICIDADE
Topo

Governo faz ofensiva contra soltura de presos devido ao coronavírus

Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo, que publicou aqui o primeiro post no dia 24 de junho de 2006, é colunista da Folha e âncora do programa “O É da Coisa”, na BandNews FM. No UOL, Reinaldo trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Colunista do UOL

07/04/2020 14h09

Enquanto se multiplicam relatos de alta tensão e risco de rebeliões em prisões do Brasil, o governo federal promove uma ofensiva contra a soltura de presos devido à pandemia do novo coronavírus.

Na sexta passada (3), o diretor-geral do Depen (Departamento Penitenciário Nacional), Fabiano Bordignon, pediu a autoridades do país que lhe fossem enviados relatos de crimes graves e violentos cometidos por quem saiu da cadeia na crise.

A mensagem por aplicativo pedia que fosse utilizado o contato privado para os envios, que poderiam ser notícias de jornal ou de outros meios.

A requisição veio três dias depois de o chefe de Bordignon, o ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública), passar um vexame.

Na terça (31), Moro alertou sobre o risco da soltura usando um caso que nada a tinha a ver com ela, de uma pessoa presa com armas e drogas no Rio Grande do Sul que não havia sido libertada.

No dia seguinte, desculpou-se pelo erro, e a determinação no Depen para adensar a narrativa do perigo à sociedade foi distribuída internamente.(...)

Leia íntegra na Folha.

Reinaldo Azevedo