Operação da PF tira 1,6 milhão de pedras de crack de circulação no RS

Especial para o UOL Notícias
Em Porto Alegre

Uma operação da Polícia Federal (PF) em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, apreendeu nesta terça-feira (13) 146,8 quilos de cocaína em pó e de pasta-base de um grupo de traficantes que atuava nos três Estados do Sul.

A droga, segundo a PF, seria usada para a fabricação de 1,6 milhão de pedras de crack. Com apoio da Brigada Militar (BM), a polícia conseguiu prender 40 suspeitos de integrarem a quadrilha, investigada desde agosto do ano passado.

Além da cocaína, a PF apreendeu cinco armas de calibre restrito, munição, joias e veículos. O objetivo da ação, batizada de Operação Rio Branco, era desarticular um grupo de traficantes que agia com criminosos em 12 cidades do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

Durante a manhã, foram cumpridos 45 mandados de prisão e 46 mandados de busca e apreensão. Na investigação, a polícia já havia apreendido mais de cem quilos de pasta-base de cocaína – matéria-prima utilizada para a fabricação de crack.

A quadrilha, segundo o delegado Diogo Caneda dos Santos, que coordenou a operação, recebia a droga por Foz do Iguaçu (PR) e transportava a mercadoria em fundos falsos de veículos de passeio, no chamado tráfico formiguinha. Além de ser distribuída no Rio Grande do Sul, o bando também tinha conexões em São José (SC), região metropolitana de Florianópolis.

O delegado informou que dois dos líderes da quadrilha estavam presos e comandavam as ações de uma penitenciária na cidade de Ijuí, região Norte do Rio Grande do Sul. Para despistar as investigações, a droga era paga com veículos comprados ilegalmente na Bahia. A PF acredita que os carros eram roubados e abasteceriam o mercado do Paraguai.

Mesmo com as detenções de suspeitos, Santos disse que a quadrilha não foi totalmente desarticulada pela polícia. Segundo ele, a PF já identificou outros ntegrantes que, com as prisões desta terça-feira, devem assumir o controle da operação.

"Esses grupos se reorganizam rapidamente. É preciso seguir com as operações de combate, especialmente nas regiões de fronteira", afirmou.

Em outra operação realizada nesta manhã, a PF cumpriu 22 mandados de prisão e outros dez de busca e apreensão contra uma quadrilha de traficantes que tinha sua base em Itajaí (SC).

O bando embarcava drogas para o Brasil através de Foz do Iguaçu (PR) e Santana do Livramento (RS). A PF prendeu 17 pessoas suspeitas de integrar a quadrilha, mas não informou sobre apreensão de drogas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos