Zulmair Rocha/UOL

Chuvas

"Só ficou a cabeça para fora" diz mãe de menina que ficou presa em escombro

Bruna Souza Cruz

Do UOL, em São Paulo

  • Arquivo pessoal

    Kaylany e sua mãe

    Kaylany e sua mãe

Uma menina de 11 anos ficou presa embaixo de escombros após um deslizamento de terra que atingiu o quarto em que ela dormia. A menina, que passa bem, morava com sua mãe e dois irmãos numa casa localizada no bairro Botujuru, em Campo Limpo Paulista (SP). A região foi uma das mais atingidas pelos temporais de ontem e da madrugada desta sexta-feira (11).

"Todo mundo estava dormindo. Não ouvi nada. Quem ouviu foi a minha outra filha [mais velha]. Ela começou a gritar e eu fui correndo até o quarto delas", contou a diarista Daniele de Almeida Dias Watanabe, 34, mãe de Kaylany Watanabe.

"Era terra, era concreto. Ela estava inteira soterrada, mas conseguira gritar, estava consciente. Aí consegui ouvir alguns gritos dela e eu perguntava 'onde você tá, onde você tá'. Quando achei, fui tirando os blocos todos de cima. O corpo dela estava todo embaixo de uma coluna. Só ficou a cabeça para fora", contou.

Com o desespero de Daniele, um vizinho foi até o local para ver o que estava acontecendo. Chamaram a polícia e juntos conseguiram deslocar a coluna que prendia a menina. 

Segundo a mãe, ela foi levada pela viatura até o hospital, fez exames e passa bem. "Só tive alguns arranhões. Tive medo", falou Kaylany, timidamente.

"Ela está ótima. Graças a Deus, ela está viva. Perdemos cama, colchão, sapatos, cobertor, mas o importante é estarmos vivos", disse Daniele.

Depois do ocorrido, a família foi para a casa da mãe de Daniele. Segundo ela, eles não voltarão a viver no local.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos