PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Turista é morto ao tentar ajudar guarda-vidas agredido em praia de SP

Gerson Barbosa levou quatro golpes de faca e não resistiu aos ferimentos - Reprodução/Facebook
Gerson Barbosa levou quatro golpes de faca e não resistiu aos ferimentos Imagem: Reprodução/Facebook

Jéssica Nascimento

Colaboração para o UOL

31/07/2018 15h10

Um turista foi morto a facadas após tentar ajudar um guarda-vidas que era agredido por dois banhistas no início da noite deste domingo (29), na praia da Enseada, em Bertioga, no litoral de São Paulo. Gerson Barbosa, de 39 anos, era morador de Mogi das Cruzes, no interior paulista, e passava o dia no local com a família.

Segundo o boletim de ocorrência, ao qual o UOL teve acesso, a discussão ocorreu por volta de 18h15, depois de o bombeiro militar pedir que os banhistas Marcos Pereira da Silva, de 32 anos, e Carlos Cesar Costa da Silva, de 35, não retirassem uma placa de sinalização de perigo no mar, que alertava sobre a forte correnteza naquele trecho.

Após a orientação, segundo a Polícia Civil, os homens começaram a agredir o guarda-vidas, que não teve a identidade revelada, com socos e  chutes. Ao perceberem as agressões, Gerson Barbosa e familiares dele tentaram ajudar o militar, mas também foram agredidos. Um dos banhistas foi até o carro, voltou com uma faca e atingiu Barbosa por quatro vezes.

Leia mais:

O turista foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado ao hospital municipal, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada no Hospital Municipal de Bertioga.

Apesar de fugirem em veículos diferentes, os homens foram localizados pelas placas dos carros e presos pela Polícia Militar na rodovia Mogi-Bertioga. Ambos vão responder pelos crimes de homicídio e desacato.

O bombeiro militar foi levado ao pronto-socorro do Hospital Municipal com escoriações pelo corpo e fraturas no braço. Após ser atendido, foi liberado e passa bem.

Errata: Suspeitos por morte de turista em SP respondem por homicídio

Cotidiano