PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Suzano: corpos de mortos em escola são levados ao Instituto Médico Legal

Guilherme Taucci de Monteiro horas antes do massacre em Suzano (SP) - Reprodução/Facebook
Guilherme Taucci de Monteiro horas antes do massacre em Suzano (SP) Imagem: Reprodução/Facebook

Marcela Leite

Do UOL, em São Paulo

13/03/2019 19h29

Os corpos de oito vítimas do massacre na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Grande São Paulo, foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) da cidade no início desta noite.

Dois deles já foram liberados aos familiares para que seja feito o velório, segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP). O prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuci, havia dito que a cidade organizaria um velório coletivo, mas ainda não se sabe se as famílias vão aceitar a proposta.

Os corpos dos atiradores que também morreram no local, identificados como Guilherme Taucci Monteiro, 17, e Luiz Henrique de Castro, 25, foram levados ao IML de Mogi das Cruzes, cidade vizinha.

No massacre desta manhã, morreram cinco alunos da escola, dois funcionários e um comerciante, dono de uma locadora que fica próxima à escola.

Outras 11 pessoas ficaram feridas. Veja o estado de saúde de cada uma delas:

  • Adna Isabella Bezerra de Paula, 16 anos, transferida do PSM Suzano para o HC/FMUSP está estável, na emergência;
  • Anderson Carrilho de Brito, 15 anos, transferido do PSM Suzano para o HC/FMUSP em estado grave, passa por cirugia;
  • Beatriz Gonçalves Fernandes, 15 anos, estável no PSM de Suzano;
  • Guilherme Ramos do Amaral, 14 anos, passa por cirurgia no PS de Suzano;
  • Jenifer da Silva Cavalcante foi levada para o HC Luzia de Pinho Melo, em Mogi, em estado grave, porém estável; passou por procedimentos cirúrgicos e é acompanhada pela equipe médica;
  • José Vitor Ramos Lemos foi atingido por machado e levado ao Hospital Santa Maria, em Suzano;
  • Leonardo Martinez Santos fraturou o tornozelo, será operado e passará por cirurgia no HC Luzia de Pinho Melo, em Mogi das Cruzes;
  • Leonardo Vinícius Santa Rosa, 20 anos, estava na Santa Casa de Suzano e foi transferido para o PS do HC/FMUSP, em São Paulo, onde está em estado estável;
  • Letícia de Melo Nune está estável e sob acompanhamento especializado de cirurgia geral no Hospital Geral de Itaquaquecetuba;
  • Murillo Gomes Louro Benites, 15 anos, foi levado pelo helicóptero Águia ao HC/FMUSP e está estável;
  • Samuel Silva Félix foi levado ao Hospital Santa Maria, sem informações sobre estado de saúde

O governador de São Paulo, João Doria, decretou luto oficial de três dias no estado.

Cotidiano