Topo

Galpão de escola de samba pega fogo em São Paulo

Quadra da Tricolor Independente, escola de samba e torcida organizada do São Paulo, pega fogo - Reprodução/TV Band
Quadra da Tricolor Independente, escola de samba e torcida organizada do São Paulo, pega fogo Imagem: Reprodução/TV Band

Juliana Arreguy

Do UOL, em São Paulo

14/10/2019 18h27Atualizada em 14/10/2019 21h58

O galpão da escola de samba Independente Tricolor pegou fogo na tarde de hoje em São Paulo. Em contato com o UOL, o Corpo de Bombeiros disse não saber as causas do incidente. O ocorrido não deixou vítimas. A corporação destacou 18 viaturas até a área onde fica a Fábrica do Samba 2, que abriga 16 galpões do Grupo de Acesso do Carnaval paulista, na zona norte da cidade, próximo à Marginal Tietê.

O fogo colocou abaixo todo o galpão da Independente e parte de um galpão adjacente. Ao menos 60 agentes atuaram na área para neutralizar o incêndio. A operação contou com o auxílio de órgãos como CET, Enel, Defesa Civil e SAMU.

Segundo os bombeiros, ao fim desta tarde, às 18h03, eles receberam o alerta de uma ocorrência nas proximidades da Avenida Otto Baumgart, altura do número 100, no bairro Vila Guilherme; o local abriga, entre diversos galpões, o barracão da escola de samba ligada à torcida organizada do São Paulo Futebol Clube.

De início, foram enviadas sete viaturas até a área. Diante da magnitude do incêndio, reforços foram acionados e o número subiu para 18. Já às 18h44, a corporação divulgou que o incidente não deixou vítimas e que o fogo já estava controlado.

Em entrevista ao programa Brasil Urgente, da TV Bandeirantes, Paulo Sérgio Ferreira, presidente da Liga das Escolas de Samba, lamentou o ocorrido e disse que a Independente Tricolor estava "com mais de 50% do carnaval concluído".

A Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo, em nota oficial, afirmou que só será possível ter dimensão do prejuízo assim que o fogo fosse completamente extinto e a entrada no local fosse segura. O texto também diz que oferecerá todo tipo de auxílio às escolas atingidas.

Confira a nota na íntegra:

"No início da noite desta segunda-feira (14), um incêndio de grandes proporções atingiu um dos galpões dentro da Fábrica do Samba 2, complexo onde estão instaladas as agremiações que desfilam pelo grupo de Acesso do Carnaval paulistano. Imediatamente o Corpo de Bombeiros foi acionado. Cerca de 18 viaturas trabalharam para controlar o incêndio, que iniciou no espaço destinado à escola de samba Independente Tricolor.

Segundo a corporação, não há vítimas. O tamanho do estrago causado pelas chamas só poderá ser medido quando os bombeiros terminarem seu trabalho. Qualquer informação antes disso, é precipitada.

A Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo, junto às 34 agremiações filiadas, dará todo suporte para as agremiações atingidas."

Cotidiano