PUBLICIDADE
Topo

Chuva forte provoca alagamentos em MG; feira em Contagem é levada pela água

Alex Tajra

Do UOL, em São Paulo

19/01/2020 18h07Atualizada em 20/01/2020 12h54

A forte chuva que atingiu Minas Gerais hoje deixou pontos de alagamento na capital Belo Horizonte e em Contagem, na região metropolitana. A Defesa Civil do estado já havia alertado para as possibilidades de inundação em alguns bairros da capital. A Avenida Tereza Cristina, na região Oeste da cidade, foi tomada pela água após o ribeirão Arrudas, curso d'água que corta parte de BH, transbordar.

Já em Contagem, bairros como Inconfidentes e Amazonas ficaram completamente inundados. Vídeos (veja acima) mostram que uma feira que era realizada na região foi levada pela água. Até a tarde deste domingo, o Corpo de Bombeiros contabilizara 67 chamadas relacionadas ao temporal, a maioria delas relacionada a pessoas que ficaram ilhadas ou tiveram suas casas inundadas.

Outro vídeo mostra os moradores da Vila Barraginha, zona sul de Contagem, tentando salvar seus pertences em meio à inundação. Até o momento, afirmaram os bombeiros, não há informações sobre vítimas ou desaparecidos.

Por conta dificuldade de acesso dos carros, a corporação teve de utilizar um helicóptero para resgatar algumas vítimas que ficaram ilhadas.

"Os militares socorreram uma família de 5 pessoas que estava ilhada em uma residência, o salvamento foi realizado em dois deslocamentos, no primeiro foram 3 vítimas e um bombeiro e na segunda viagem foram 2 vítimas e um bombeiro. Todos foram deixados em local seguro", afirmou a corporação.

No início da tarde, a Defesa Civil emitiu um aviso alertando para riscos de transbordamento em diversos locais, em especial as regiões Oeste e Barreiro. O comunicado apontava pancadas de chuva durante todo o dia de hoje, com rajadas de vento de 50 km/h. O órgão informou ainda que as possibilidades de chuva forte devem se estender até o começo da manhã de segunda-feira (20).

"Nossas guarnições continuam em alguns pontos de BH e Contagem dando apoio às pessoas que ainda estão necessitadas nos bairros Vila São Paulo, Cidade Industrial e Jardim Industrial.", informou o Corpo de Bombeiros por volta das 17h30 de hoje.

Cotidiano