PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus: Casal volta da Europa, faz festa e vai parar na delegacia

Carro da PM em Paranaíba (MS) - Divulgação
Carro da PM em Paranaíba (MS) Imagem: Divulgação

Bruna Alves

Colaboração para o UOL, em São Paulo

05/04/2020 12h28

Em meio a pandemia do novo coronavírus, um casal que recentemente voltou da Europa foi levado para a delegacia na noite de sexta-feira (3) após fazer um churrasco com a presença de amigos, desrespeitando o isolamento social determinado pelas autoridades. O caso aconteceu em Paranaíba, no leste do Mato Grosso do Sul.

O rapaz, identificado como Fernando Faria Carvalho, 26, e sua esposa, Laila Martins Prado, 25, voltaram quinta-feira (2) de uma viagem que fizeram à Bélgica e, segundo a polícia local, não estavam respeitando o período de quarentena, tampouco as medidas preventivas, das quais haviam sido notificados assim que retornaram à cidade. O UOL não conseguiu contato com a defesa do casal.

Eles continuavam passeando normalmente pelas ruas e fazendo compras em vários mercados, de acordo com as autoridades.

Na noite de sexta-feira, a Vigilância Sanitária local recebeu denúncias de que o casal estaria fazendo uma "festinha de boas-vindas" com a presença de amigos.

De acordo com Giani Gonsales Machado, da Vigilância Sanitária, ao chegar ao local, a dona da casa, mãe de Carvalho, autorizou a entrada da equipe.

Machado repreendeu o casal e os convidados que estavam na casa, e pediu que eles finalizassem a festa.

Segundo o relato dela, Carvalho se alterou e começou a brigar com a mãe, por ter permitido a entrada dos fiscais, além de ofender a equipe com xingamentos.

A Polícia Militar foi acionada e diz que, quando chegou à residência, também teve dificuldades para dialogar com os moradores.

"Quando chegamos lá, vi a churrasqueira na calçada, o carro também em cima da calçada com o som alto e os agentes da Vigilância Sanitária na casa do lado esperando a gente chegar", disse o soldado Diego Daniel Augusto Barbosa.

"O pessoal estava exaltado porque já tinha ingerido bebida alcoólica. E deu trabalho, porque não pode chegar muito perto para poder conter. E nós já ficamos a uma distância de um metro e pouquinho. Foi complicado aquela situação", afirmou.

Para prevenir o contágio da covid-19, a Polícia Militar está usando máscaras, luvas, álcool normal e álcool em gel, além de evitar qualquer aproximação com as pessoas.

"Após muita conversa minha e de outro cabo, conseguimos controlar a situação. Eles foram para a delegacia no carro próprio deles escoltado por duas viaturas da polícia e mais as motos, isso para não ter muito contato físico".

Na delegacia, o casal assinou um termo de responsabilidade e foi liberado em seguida. O caso foi registrado como infração de medida sanitária preventiva, de acordo com o artigo 268, do código penal, desobediência e desacato à autoridade.

"Hoje [sábado] o casal foi advertido novamente e ficou ciente de que a desobediência ensejará um pedido de prisão preventiva ao judiciário para cumprimento do isolamento", ressalta o delegado regional de Paranaíba, Wallace Martins Borges.

Coronavírus