PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
3 meses
Trem da Supervia é sequestrado durante operação da PM na zona norte do Rio

19.out.2020 - Trem de manutenção da Supervia foi sequestrado por bandidos na manhã de hoje; dois maquinistas foram feitos reféns - Reprodução/TV Globo
19.out.2020 - Trem de manutenção da Supervia foi sequestrado por bandidos na manhã de hoje; dois maquinistas foram feitos reféns Imagem: Reprodução/TV Globo

Marcela Lemos

Colaboração para o UOL, no Rio

19/10/2020 08h19Atualizada em 19/10/2020 13h11

Um trem de manutenção da Supervia, sem passageiros, foi sequestrado por um grupo de criminosos na manhã de hoje durante uma operação policial na zona norte do Rio de Janeiro. Dois funcionários foram feitos reféns, mas já foram liberados.

O grupo com mais de dez homens armados rendeu dois maquinistas que faziam uma manutenção da rede aérea da concessionária na estação do Jacarezinho, onde acontece desde cedo uma operação da PM.

De acordo com a Supervia, os bandidos invadiram a rede férrea do local e obrigaram os dois funcionários a levarem a composição até a região da Mangueira. Lá, os criminosos desembarcaram, e os profissionais foram liberados e agora estão recebendo apoio psicológico. Eles não se feriram.

"Os maquinistas seguiram para a Central do Brasil e serão assistidos psicologicamente. O Grupamento de Policiamento Ferroviário (GPFer) foi acionado para tomar conhecimento do fato", informou a Supervia através de nota.

Equipes da UPP Mangueira e do 4ºBPM (São Cristóvão) fizeram um cerco no entorno da comunidade da Mangueira em busca dos criminosos.

Operação

Segundo a PM, as comunidades vizinhas do Mandela e de Manguinhos também são alvo da ação policial. Policiais militares do Batalhão de Ações com Cães (BAC), do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) e de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) foram mobilizados na operação, que continuava em andamento às 13h.

A ação policial tem como objetivo a remoção de obstáculos colocados em vias públicas da região e a verificação de denúncias de possíveis locais usados para práticas criminosas.

Devido a confronto na região, as ruas Dom Hélder Câmara e Leopoldo Bulhões chegaram a ser interditadas por medida de segurança.

Os trens da Supervia também interromperam a circulação no local mais cedo, mas a situação foi normalizada às 10h05.

Imagens do helicóptero Globocop, da TV Globo, mostraram a intensa movimentação policial na região e a colocação de barricadas para dificultar a ação da polícia. Ainda não há informações sobre presos e feridos na ação.

Cotidiano