PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
2 meses

Câmara de SP aprova aumento de 45% no salário do prefeito em 1ª votação

Plenário da Câmara Municipal de São Paulo; projeto ainda deve passar por segunda votação e sanção do prefeito - Andre Bueno/CMSP
Plenário da Câmara Municipal de São Paulo; projeto ainda deve passar por segunda votação e sanção do prefeito Imagem: Andre Bueno/CMSP

Do UOL, em São Paulo

21/12/2020 13h38Atualizada em 21/12/2020 17h13

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou hoje o reajuste de mais de 45% para os salários do prefeito, vice-prefeito e secretários da capital.

O projeto foi aprovado em um primeiro momento, mas ainda precisa passar por uma segunda votação.

A proposta, se aprovada, deve entrar em vigor em janeiro de 2022.

Atualmente, o salário do prefeito, cargo de Bruno Covas (PSDB) é de cerca de R$ 24 mil. Com o reajuste, o valor chegaria a R$ 35 mil.

O vice-prefeito passará a receber aproximadamente R$ 31 mil. Já os secretariados passam a ganhar R$ 30 mil.

O projeto, de autoria da mesa diretora do órgão, ainda precisa passar por sanção do prefeito após a segunda votação.

Cotidiano