PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Suspeita de matar filho de 3 anos, mãe de Gael depõe e é detida em SP

Wanderley Preite Sobrinho

Do UOL, em São Paulo

11/05/2021 11h13

Principal suspeita de matar o filho de três anos em seu apartamento na região central de São Paulo, a mãe do menino Gael prestou longo depoimento na madrugada de hoje antes de ser presa no 89º Distrito Policial, zona sul da cidade.

Andréia, 37, foi presa em flagrante por homicídio qualificado em seu apartamento na Bela Vista já na tarde de ontem, mas foi levada para um hospital psiquiátrico após ser encontrada em estado de choque.

Depois de passar o dia de ontem no Hospital Mandaqui, ela foi levada à 1ª DDM (Delegacia da Mulher) para depoimento, que começou à meia-noite e levou toda a madrugada de hoje.

Assim que depôs, ela foi indiciada e encaminhada para o IML (Instituto Médico Legal) antes de ser "levada à carceragem do 89º DP, onde aguarda audiência de custódia", confirmou ao UOL a Secretaria de Segurança Pública.

Ela chegou ao DP por volta das 5h já algemada. Usando vestido branco, entrou na delegacia de cabeça baixa, com os cabelos sobre o rosto.

De acordo com a secretaria, a Polícia Civil espera agora "o resultado dos laudos periciais" para tentar "esclarecer as circunstâncias da morte".

O crime

De acordo com depoimento da tia-avó de Gael, ela flagrou o menino deitado na cozinha coberto por uma toalha de mesa, enquanto a mãe estava ao lado em estado de choque.

Enquanto a meia-irmã adolescente da criança chamava o resgate, a mãe se trancou no banheiro. Ela foi encontrada pela polícia deitada em posição fetal sob o chuveiro e levada para o Mandaqui.

Enquanto isso, o corpo de Gael era levado para a Santa Casa de Misericórdia, também no centro. Mas, segundo a polícia, chegou sem vida.

Cotidiano