PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Coelho pivô de briga em aeroporto chega à Irlanda e 'estreia' no Twitter

Alfredo, o coelho que motivou a briga entre seus donos e funcionários de uma companhia aérea, em São Paulo - Reprodução/Instagram
Alfredo, o coelho que motivou a briga entre seus donos e funcionários de uma companhia aérea, em São Paulo Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

24/11/2021 13h27Atualizada em 24/11/2021 13h27

O coelho Alfredo, que ganhou destaque na última semana após ter o embarque impedido no Aeroporto de Guarulhos (SP) e gerar briga, chegou à Irlanda e agora estreou uma conta própria no Twitter. Alfredo foi o motivo de uma confusão generalizada entre o casal de passageiros — Jorge e Gabriella — e funcionários da companhia aérea KLM.

Apresentado como "Coelho do Aeroporto", os tutores de Alfredo compartilham os momentos do animal na nova casa. Em uma das publicações, eles brincam: "Adorei a cama quentinha que arrumaram para mim. Uma pena que papai e mamãe vão precisar ficar na cama pequena, achei ela apertada para mim".

O casal, que teve o embarque impedido pela companhia aérea, conseguiu embarcar na sexta-feira (19) às 20h. No Instagram, o escritório Furno Petraglia e Pérez Advocacia, que os representa, explicou que, a princípio, eles deveriam ter embarcado na segunda-feira (15), três dias após conseguirem decisão judicial favorável ao transporte do coelho Alfredo na cabine, mas a KLM informou que não conseguiria cumpri-la "por falta de tempo".

Jorge e Gabriella pagaram para alterar a passagem para quarta-feira (17), mas a própria companhia adiou o voo para o dia seguinte (18), ainda segundo os advogados. Ao chegarem ao local de embarque, porém, ambos foram retirados da fila "sob a justificativa de que o comandante, autoridade máxima na aeronave, não autorizou o embarque deles".

O episódio gerou uma briga generalizada no Aeroporto de Guarulhos. Em imagens compartilhadas nas redes sociais, é possível ver que o homem e a mulher afirmam ter uma liminar cedida pela Justiça para poder viajar com o animal, mas diante das negativas dos funcionários da empresa os dois lados passam a trocar ofensas. Em dado momento, as agressões evoluem para socos e empurrões.

O vídeo viralizou nas redes sociais e Alfredo foi alvo de diversos memes.

Procurada pelo UOL na ocasião, a Air France-KLM disse que o caso foi resultado de um "equívoco interno da companhia", que não comunicou a tripulação do voo com antecedência sobre o embarque de Alfredo, e anunciou que vai abrir uma investigação para apurar o caso. A empresa também lamentou que a situação "tenha escalado para um desentendimento" e afirmou condenar "qualquer tipo de comportamento violento".

Ao Metrópoles, Jorge disse que a adaptação do coelho foi rápida no novo país. "Ele está amando essa nova vida, corre para todos os lados da casa. Ele está adorando os cheirinhos e matinhos novos. Quando não alcança as flores, ele fica em pé nas duas patinhas como quem diz: 'Pega essa para mim, papai'", afirmou.

Cotidiano